Educação

Aulas presenciais são adiadas na Ufba diante do agravamento da pandemia

A Ufba (Universidade Federal da Bahia) informou nesta sexta-feira, 26, que decidiu adiar, por 15 dias, o início das aulas presenciais do semestre 2021.1. As atividades estavam previstas para serem retomadas na segunda-feira, 1º, conforme determinação do MEC (Ministério da Educação). O adiamento foi publicado por meio de um portaria assinada pelo reitor João Carlos Salles.

Segundo o documento, as atividades remotas serão mantidas conforme o calendário já estabelecido.

Sem detalhar se o adiamento é prorrogável, a Ufba diz que avaliará a adequação e a reposição das atividades presenciais conforme a evolução da pandemia e as condições de saúde pública nas regiões onde a instituição está presente.

A decisão foi tomada pelo comitê de assessoramento do coronavírus da instituição com base nos seguintes parâmetros:

1) agravamento da situação epidemiológica da pandemia de Covid019 na Bahia e em Salvador nas últimas duas semanas, com aumento do número de casos e óbitos e elevada taxa de ocupação de leitos hospitalares de UTI;

2 intensificação da medidas restritivas de circulação de pessoas na Região Metropolitana de Salvador e em 90% das cidades do estado, incluindo Vitória da Conquista.

3) esperado efeito das medidas coletivas de controle da pandemia na redução de novos casos e no risco de infecção ao longo dos próximos 14 dias, em vista do período médio de incubação da infecção e da doença;

4) retomada da vacinação dos grupos prioritários nesta semana na Bahia e ainda a perspectiva de intensificação desse processo com a chegada de novas vacinas nos próximos dias.

 

Por: A TARDE

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo