esportes

Jogadoras do Bahia são vítimas de racismo durante transmissão

A transmissão do empate em 2 a 2 entre Bahia e Napoli, pelo Campeonato Brasileiro feminino, foi marcada por um comentário racista na transmissão do MyCujoo e CBF TV. No primeiro tempo, o comentarista Edson Florão destacou os “cabelos exóticos” das jogadoras do time visitante e o narrador Paulo Cezar Ferrarin fez uma comparação das atletas com a cantora Margareth Menezes.

“Acaba tendo que rifar a bola, facilitando especialmente o sistema defensivo da equipe do Bahia, que está aí com a sua vantagem de estatura, com esses cabelos exóticos, pelo menos uma meia dúzia. A Aline tem o cabelo mais exótico me parece dessa equipe do Bahia”, falou Florão. As atletas em questão são negras.

Em suas redes sociais, a CBF lamentou o episódio e pediu que os profissionais fossem afastados:

Também pelas redes sociais, o MyCujoo afirmou que “quaisquer comentários sobre características físicas das jogadoras são, de fato, inaceitáveis” e confirmou o afastamento dos profissionais:

 

Por: Metro 1

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo