Educação

Aulas presenciais na Bahia devem retornar em 15 dias, avalia Rui, que apresenta esquema híbrido; “aguardar”

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), anunciou nesta terça-feira (29/6) que as aulas presenciais serão retomadas se as taxas de contaminação pela Covid-19 e de ocupação de leitos de UTI continuarem em queda, a exemplo dos últimos dias.

“A gente comemora porque menor taxa de contaminação e menor taxa de ocupação significa menos mortes, menos gente sofrendo, menos familiares chorando e eu espero comemorar mais ainda nos próximos 10, estourando 15 dias. Se essa taxa se mantiver nesse patamar de queda, nós vamos retomar as aulas presenciais após esses 10, 15 dias”.

A retomada da educação presencial inicialmente acontecerá de forma híbrida, com divisão das turmas em dias alternados. No esquema, na segunda, quarta e sexta, haverá a presença de metade dos alunos, com o outro grupo nos demais dias – incluindo sábado. Alguns estudantes terão dias de aulas remotas e presenciais na semana.

Rui Costa ainda informou que esse período de 10 a 15 dias de espera para um possível retorno às aulas é uma medida para avaliar a taxa de contaminação durante o período de São João.

“Então, para não causar um impacto negativo na educação mais do que já foi causado, nós vamos aguardar um pouco para passar o efeito do São João e se o número [da ocupação de leitos] estiver nesse patamar ou inferior, vamos retornar às aulas no modelo hibrido”, concluiu.

Por: Aratu ON

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo