Entretenimento

Alec Baldwin acusa diretor assistente de ter dito que arma responsável por acidente fatal em set não estava carregada

O ator Alec Baldwin emitiu um comunicado sobre o acidente em set que matou a diretora de fotografia Halyna Hutchins e feriu o diretor Joel Souza. De acordo com ele, o diretor assistente do filme “Rust” disse que a arma, cujo gatilho foi puxado pelo artista e atingiu as vítimas, era “fria” e segura.
A expressão significa que o item não estava carregado. Quando atirou, no entanto, o equipamento disparou o projétil e terminou na tragédia ocorrida nesta quinta-feira (21), em Santa Fé, Novo México, nos Estados Unidos.

O ator detalha os instantes que antecederam os disparos: segundo ele, o diretor assistente pegou uma pistola de hélice de um carrinho cinza e entregou ao artista, ao passo que gritou “arma fria!”. Ainda na nota, Alec afirma que seu “coração está partido”.

Em seu depoimento, o detetive Joel Cano, que apura o caso, escreveu que o assistente de direção “não sabia que a arma estava carregada”.

O gabinete do xerife do condado de Santa Fé está investigando o episódio e a expectativa é de que respostas mais concretas sobre a situação sejam obtidas no início da próxima semana.

Por: BNEWS

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo